Beauty Fair 2014 - Condor

Durante a Beauty Fair tive o prazer de conhecer o estande da Condor. Acredito que praticamente todo mundo pelo menos já ouviu falar da marca, que atua há 85 anos no mercado.

Tive a oportunidade de aprender um pouco mais sobre cada escova de cabelo e sua função e claro, não podia deixar de informar vocês!




Apresentadas com bolinhas nas pontas, cerdas naturais e sintéticas, cabo de madeira, redondas, cabeça de raquete ou quadradas, as escovas para cabelos são concebidas para um fim específico. Erra quem pensa que servem para mil e uma utilidades e que não ‘envelhecem’ com o uso. Escovar corretamente significa limpar os fios, além da possibilidade de uma modelagem personalizada com estilo.

A técnica do segmento de Beleza da Condor, Marília Kikuchi, lembra que a lenda das 100 escovadelas por noite, como reza a antiga receita de beleza, tem sentido.  “É uma forma de higienização, já que a sujeira é removida com as células mortas e os fios caídos”, diz. A escovação promove a estimulação de óleos produzidos pelas glândulas sebáceas. Benefícios como hidratação, brilho, aspecto saudável, resistência à queda e ativação da circulação do couro cabeludo estão diretamente relacionados à prática. Segundo a cabeleireira e técnica da Condor, o mais importante é escolher o tipo certo de escova para cada cabelo.

Veja mais dicas abaixo:

Formatos e modelos



Escova redonda – são as mais comuns para alisar e modelar os cabelos, usadas também nos salões. As melhores são as que misturam cerdas naturais e sintéticas, pois ajudam a deixar os cabelos mais macios e brilhantes. O ideal é ter tamanhos diferentes em casa. Quanto mais curto o cabelo, menor o seu diâmetro.



Escova raquete – ideal para escovar cabelos embaraçados e longos sem danificar. As de base almofadada e com bolinhas nas pontas dos pinos ainda proporcionam uma sensação agradável estimulando e massageando o couro cabeludo. Em alguns casos, a escova raquete é utilizada para secar os fios durante o procedimento da progressiva.



Escova oval – estimula o couro cabeludo e auxilia na distribuição dos óleos naturais. Ideal para usar naqueles cabelos mais finos. Também recomendada para escovar cabelos ondulados.

Tipos de cerdas

Escova com bolinhas nas pontas – escovas com dupla altura proporcionam maior aderência ao cabelo. Alisam e modelam os fios. Ideal para tirar o volume dos cabelos.

Dicas Especiais

Megahair ou alongamento – evite as escovas com bolinhas na ponta para não arrancar os fios presos com cola ou trançados.

Pressa na hora de secar – opte por escovas com base de metal, pois esse material acelera o processo de secagem pois retem o calor do secador.

Cuidado ao desembaraçar – comece escovando as pontas do cabelo e vá subindo com delicadeza para não quebrar os fios

Cabelos com progressiva – se a progressiva já está aplicada, use aquelas com revestimento térmico ou seque com a escova almofadada raquete. Para fazer o procedimento no salão, o ideal são as escovas de madeira, sem revestimento de alumínio, com uma altura apenas, para não arrebentar os fios que já estão mais fragilizados devido à química.


No site da Condor tem o "Encontre sua Escova", lá você responde um pequeno questionário e ele te informa qual a escova mais apropriada para você


Higienização das escovas

Outra forma de garantir a saúde do couro cabeludo é fazer a higienização de escovas de cabelo regularmente. A equipe de técnicos da Condor recomenda alguns passos para a limpeza dos produtos.

- Remover os fios de cabelos que ficam acumulados, pois comprometem o ato de desembaraçar, retem a umidade, causando a proliferação de fungos, bactérias e piolhos. O cabo de um pente pode auxiliar na retirada desses fios.

- Utilizar sabão neutro e água corrente, e esfregar as cerdas por alguns minutos. Se estiverem muito sujas, recomenda-se deixar a escova de molho entre 15 a 30 minutos.

- A secagem deve ser natural, sem o uso do secador, que pode estragar as cerdas. O ideal é deixá-la pendurada pelo cabo.

- Escovas com revestimento cerâmico devem ser higienizadas apenas com um pano úmido e sabão neutro.

- Escovas ionizadas e almofadadas não devem ser deixadas de molho, apenas lavadas em água corrente e devem ser completamente secas com um pano.

- A higienização das escovas de uso particular deve ser feita pelo menos uma vez por mês. Os salões de cabeleireiros devem seguir as orientações da coordenação de vigilância de saúde.

Mais informações, no site da Condor : www.condor.ind.br.


Comentários
1 Comentários

Um comentário:

  1. Adorei as dicas de cada escova para tipo de cabelo e resultado esperado Ari.

    Beijos,

    Lis

    Lis

    http://www.estilopravida.com.br/

    ResponderExcluir

Olá, adorei a sua visita!!!

Aproveita e deixa um comentário com a sua opinião, vou amar saber o que você esta achando do blog!

Bjs com carinho!

Ari